quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

É engraçado...

como oi está sempre acompanhado de adeus. É engraçado como boas lembranças podem fazer você chorar; como para sempre nunca significa tanto tempo assim. É engraçado o tanto que você perde se esquece de seu passado. É engraçado como amigos podem te abandonar quando você está triste. É engraçado que quando você precisa de alguém, ele nunca está por perto. É engraçado como as pessoas mudam e pensam que agora estão muito melhores. É engraçado quantas mentiras podem ser adicionadas a uma carta de amor. É engraçado como as pessoas sempre perdoam o que não conseguirão esquecer. É engraçado como uma noite pode conter tanto arrependimento. 









Mas a parte mais engraçada é que nada disso é engraçado para mim.

4 comentários:

  1. Olá, Mariana. Mais uma vez você indo comentar em meu blog e mais um vez eu vindo até aqui bastante grata pelo mesmo. Hoje, além de agradecer ao comentário, quero lhe agradecer o selo também. Tenha certeza que guardarei a sete chaves aqui e sempre me lembrarei de ti. Agora, em relação ao seu texto, quero parabeniza-la pelo mesmo. Belo conjunto de palavras. Penso como você escreveu no texto pois, se não houvesse graça no que vivemos, no que presenciamos, não teria graça alguma viver. Seria tudo tão monótono, não acha? Sucesso à você!

    ResponderExcluir
  2. É engraçado como as pessoas mudam e pensam que agora estão muito melhores...Mas a parte mais engraçada é que nada disso é engraçado para mim.²
    amei aqui , vou vir sempre mesmo , nao para de postar ein.
    beijos S2
    se puder de uma passadinha no meu blog.

    ResponderExcluir
  3. Obrigada!!!
    deixei um selinho pra vc la no meu blog o Lua de Papel...
    espero que goste!!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Ah, esse texto é muito lindo! Li pela primeira vez no blog de uma amiga e me emocionei!
    Obrigada pelo selinho, viu linda? Prometo postar em breve! =D
    E parabéns pelas indicações, seu blog é um amor!
    Beijo.
    Fica com Deus

    ResponderExcluir

Demonstre-me seus sentimentos com palavras, ficarei lisongeada em lê-los.