segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Diferente amor

Eu encontrei um amor diferente de todos que amei. 
Nos seus olhos descobri uma razão para viver, e as feridas da vida esquecer. 
Não encontrei no cinema, na esquina ou mesa de bar. 
Com esse teu jeito, se tudo não fosse como é, talvez não seria tão perfeito.

Agora eu poderia passar horas acordada a te admirar mentalmente

Imaginando o seu rosto tranquilo enquanto dorme
Pois você está distante, mas te sinto cada vez mais presente
Os momentos que passo com você se tornaram gloriosos
É tudo o que espero ao final do dia, indispensavelmente

Mas tenho um medo, aceitável, de piscar os olhos

E ao abri-los estar em uma outra realidade, sem mirar os seus.
Atravez deles descobri o que é um sentimento verdadeiro
Puro e sincero, não apenas corporal, um amor de alma
E quero esse amor para sempre. Eu quero você na minha vida.
Pois você me ensinou o que é amor. Um amor diferente...


(M. R. A.)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Demonstre-me seus sentimentos com palavras, ficarei lisongeada em lê-los.